Queda de cabelo é normal?

Essa é sem dúvidas uma pergunta que muita gente se faz.
 

Vamos esclarecer as coisas!

Primeiro é bom ressaltar que a queda de cabelo  é normal até certo ponto, e não é um sinal de preocupação imediata, pois pode acontecer de forma completamente natural, sendo normal a perda de até 100 fios de cabelo por dia, dependendo de cada organismo, situação e quantidade de cabelo que cada pessoa tem.

Porém se você está com uma queda fora do seu costume, não adianta apenas utilizar um shampoo antiqueda, pois isso não irá resolver seu problema.

Alguns hábitos podem acentuar os processos de queda capilar, como o uso frequente de alguns produtos para alisamento no cabelo, chapinha ou penteados que podem danificar tanto os fios como o couro cabeludo.

Se você está sofrendo com algum problema de couro cabeludo, saiba que existe tratamento e solução.

Resolva seu problema:

Entre em contato com a nossa equipe de terapeutas capilares e agende um diagnóstico sem compromisso.
Conheça as melhores opções para tratar o seu problema de couro cabeludo.

Couro cabeludo ampliado com lupa
Imagem do couro cabeludo ampliado com lupa

Clique no link a seguir para obter mais detalhes:

 

As principais causas da queda de cabelo:

Excesso de estresse: estresse, tanto físico como mental, é uma das mais evidentes causas da queda dos fios. O estresse pode não ser a causa principal da queda de cabelo, mas pode piorar a perda de cabelos que já exista por outro motivo, por isso é indicado fazer uma consulta com um profissional.

Alterações hormonais: são uma importante causa da queda de cabelo e podem acontecer em vários momentos da vida, como na adolescência, na menopausa e na andropausa.
Além disso, mulheres que trocam de pílula ou que começam um novo método anticoncepcional hormonal também podem apresentar queda de cabelo.

Uso de antidepressivos e outros remédios: Algumas classes de medicamentos, como os antidepressivos, os anticoagulantes ou os remédios para pressão alta podem colaborar para a queda de cabelo, especialmente no início do tratamento.

COVID-19 e outras infecções: A queda de cabelo após estes casos é algo comum, e nessas situações, a perda de cabelo é notada na linha frontal da cabeça. A queda de cabelo associada à COVID-19 é conhecida como eflúvio telógeno e acontece devido ao acúmulo de substâncias inflamatórias no corpo, resultando em alterações no ciclo do cabelo.

Uma edição da revista “Cabelos & Cia” - Link para a matéria também trouxe o tema para discussão, frisando a importância de procurar um profissional sério para o tratamento dos problemas ligados ao couro cabeludo.

Como prevenir a queda de cabelo?

  • Evitar penteados que causem muita tensão nos fios
  • Diminuir a frequência de processos químicos que alterem as funções do couro cabeludo (escovas progressivas)
  • Moderar o consumo de álcool, cigarro e outras drogas
  • Praticar uma alimentação balanceada

Qual a melhor forma de tratar os problemas capilares?


E a maneira mais indicada para tratar dos problemas com a queda dos fios e outras alterações do couro cabeludo é a
Terapia Capilar.

A Terapia capilar é um procedimento que pode ser realizado sem a presença de um médico, pois não se trata de procedimento invasivo.

Por isso é tão frequente encontrar a terapia capilar em um salão de beleza, onde um profissional terapeuta capilar será capaz de identificar quais as necessidades de cada pessoa, de forma personalizada.

terapia capilar tratamento
Procedimento na Terapia Capilar

Benefícios da Terapia Capilar

  • É um tratamento associado ao resgate da autoestima, principalmente quando realizado em uma equipe interdisciplinar, que se preocupa tanto com a saúde do couro cabeludo, como com a aparência estética
  • Melhora a oxigenação e circulação sanguínea, estimulando o crescimento de novos fios e equilibrando as funções do couro cabeludo
  • Diminui os processos de descamação, irritação, foliculites, entre outros que podem atingir o couro cabeludo, além da queda dos cabelos
  • Trata a coceira e a sensibilidade do couro cabeludo, proporcionando bem-estar

Essa matéria do G1 também aborda sobre o tema, confira: Link para a matéria

Como é feita a Terapia Capilar?


Com o auxílio de um vídeo dermatoscópico (câmera com aumento de até 400X), o profissional terapeuta capilar é capaz de identificar cada patologia do couro cabeludo e dos fios, e apontar suas principais causas.

Daí em diante, é possível indicar o procedimento mais adequado de terapia capilar, com o passo a passo ajustado a cada necessidade.

Com uma proposta personalizada, a terapia capilar traz resultados muito mais precisos e certeiros, se mostrando um tratamento que realmente funciona.

Tipos de Terapia Capilar

  • Alta frequência: essa técnica é realizada com um aparelho que produz um campo eletromagnético no local de tratamento. Ele ativa a circulação sanguínea, fortalece o folículo piloso, reconstrói a cutícula capilar e combate danos provocados por excesso de químicas nos cabelos. O resultado é bem satisfatório em pacientes com caspa intensa e alopecia (queda de cabelos).
  • Argiloterapia: o tratamento é feito à base de argila, um componente que desintoxica e equilibra o pH do couro cabeludo, além de repor minerais que estão faltando na região. Esse tratamento é indicado quando o couro cabeludo está intoxicado, para dermatite seborreica, couro cabeludo com excesso de produtos químicos ou com descontrole da glândula sebácea, que causa muita oleosidade.
  • Aromaterapia: é um método que utiliza óleos essenciais e vegetais para auxiliar na cura de algumas patologias no couro cabeludo e nos cabelos. Alguns tipos de óleos estimulam a circulação sanguínea, combatem a queda capilar, tem ação fungicida, anti-inflamatória, cicatrizante, bactericida, entre outros benefícios.
  • Detox capilar: o detox é feito com produtos de limpeza profunda que higienizam, esfoliam e podem regenerar o couro cabeludo. Normalmente, o  procedimento é o primeiro passo para os demais tratamentos e pode ser feito em todos os tipos de cabelos, especialmente em casos de descamação e excesso de oleosidade.
  • Massagem capilar: esse método complementar, além de aliviar o estresse e tensões do dia a dia, ativa a circulação sanguínea do couro cabeludo, o que facilita o transporte de nutrientes até os fios. A técnica contribui para o crescimento natural dos cabelos e pode reduzir a queda capilar. São quatro tipos: massagem muscular, circulatória, linfática e do sistema nervoso, realizadas na nuca, couro cabeludo e têmporas.
  • Microagulhamento: é um procedimento feito no couro cabeludo com roller (rolinhos de agulhas) ou com dispositivos em forma de caneta. Esse tratamento é indicado para tratar a calvície e o afinamento do folículo capilar.

Nossa Terapia Capilar


Aqui no
Toca Hair nós realizamos a Terapia Capilar Grandha, que é uma marca líder neste segmento, sendo uma das pioneiras no desenvolvimento de produtos e protocolos específicos para a terapia capilar.

Depois de passar pelo diagnóstico com um terapeuta capilar, o tratamento será realizado no nosso espaço dedicado à terapia.

A maioria dos procedimentos incluem, laser, led, microagulhamento, alta frequência, argila e uso de óleos essenciais, com funções específicas para tratar cada caso.

Apesar dos óleos essenciais darem a impressão de que pode ficar oleoso, os tratamentos de terapia capilar com óleos essenciais não trazem esse risco, pois os óleos são utilizados em pequenas quantidades, apenas para extrair suas propriedades terapêuticas.

Quantas sessões fazer?

O ideal é que as sessões do tratamento sejam realizadas uma vez por semana ou a cada 15 dias, de acordo com a necessidade e o estágio do tratamento.

Durante o tratamento realizado no salão, pode ser adquirido o kit de terapia capilar caseiro, para dar continuidade ao tratamento em casa, o que ajuda a potencializar os resultados do tratamento.

Isso garante que o tratamento de terapia capilar funcione mesmo.

Quanto custa a Terapia Capilar?

O diagnóstico inicial é gratuito, e serve para identificar se há realmente a necessidade de terapia capilar, ou se o problema pode ser solucionado apenas com a indicação de algum produto cosmético específico.

Além disso, é possível identificar se trata-se de uma patologia que necessita de uma intervenção médica, sendo neste caso direcionado para que procure um médico dermatologista ou tricologista.

Aqui no Toca Hair, cada sessão de terapia capilar custa R$190,00 (consulte o valor para saber se houve alteração desde a publicação deste artigo).

Caso seja identificado que um número grande de sessões é necessário, pode ser oferecido um pacote de sessões com menor preço.

Onde fazer Terapia Capilar?

Nosso espaço de Terapia Capilar fica aqui no Butantã, na cidade de São Paulo.

Aqui você conta com profissionais especializados, tratamentos específicos, óleos essenciais, alta frequência, cosméticos específicos e produtos para a manutenção em casa.

Veja alguns exemplos de clientes ANTES E DEPOIS da nossa Terapia Capilar

 

E que venha o “corte bordado”…

Por Léo Costa

Nos dias atuais, com a internet nas pontas dos dedos, tudo vira tendência ou até mania em pouco tempo.

De uns meses para cá, tenho sido frequentemente questionado por clientes e ex-alunos a respeito do “corte bordado”.

Muita gente não sabe exatamente o nome, mas se refere como “aquele corte feito com uma máquina” ou “aquele corte que só tira as pontas”.

Enfim, o que hoje é chamado de bordado, não é nenhuma invenção do século 21 não… apenas não havia sido criado um equipamento que automatizasse esta função ainda, e também ainda não havia recebido um nome bonito!!!

A proposta do “Split Ender”, como é chamado o aparelho criado para este fim é muito bacana, ele vai cortando apenas as pontas dos fios, independente do seu comprimento. Dessa forma, as pontas duplas são removidas e o aspecto geral dos cabelos melhora, sem que seja reduzido o comprimento.

Tudo isso é muito legal, mas com esse equipamento, infelizmente pontas que estão saudáveis também são removidas, por isso não é aconselhável seu uso indiscriminado.

Mas se isso não é algo tão novo assim, é porque existe outra forma de cortar as pontas duplas, sem alterar o comprimento dos fios?

Sim. Exige certa habilidade, mas não mais do que o necessário para se realizar um bom corte.

A técnica consiste em trabalhar com mechas bem finas, passando a mecha por baixo do dedo indicador, por cima do dedo médio e por baixo do anelar. Ao correr a mexa fina entre os três dedos, as pontas vão aparecendo.

Aí é que está o segredo: se cortar TODAS as pontas que aparecerem, você estará cortando também as pontas saudáveis. Se o objetivo é eliminar apenas as pontas duplas, o ideal agora é escolher quais pontas cortar e quais não cortar.

Essa é a grande diferença de se usar ou não o “Split Ender”, que facilita e muito o trabalho. Eu prefiro o método tradicional, que permitirá escolher claramente quais pontas devem ou não ser cortadas, mesmo que isso me dê um pouco mais de trabalho do que com o “Split Ender”.

O tempo necessário para este corte é em geral o dobro de um corte normal, por isso normalmente os profissionais praticam valores maiores, normalmente o dobro do valor de um corte convencional.

Se você é cliente, pergunte a respeito ao seu profissional de confiança.

Se você é profissional, faça o teste das duas formas. Veja qual o método que mais lhe agrada.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA – BELEZA E BEM ESTAR :.

“Botox capilar” e “selagem dos fios”

Por Léo Costa

Cada vez mais sou questionado a respeito dos serviços de “selagem dos fios” e “botox capilar”. Pessoas de diferentes classes sociais e faixas etárias tem a mesma dúvida: “Afinal, o que é o botox capilar? E a selagem?”

Quando surgiram no mercado, esses serviços foram propostos por empresas sérias, que buscavam o verdadeiro tratamento dos fios, a fim de trazer satisfação a seus clientes, através de fios mais saudáveis e nutridos, com considerável redução do frizz, volume sob controle, toque agradável nos fios, entre outros benefícios trazidos à cliente com o objetivo de facilitar o seu dia-a-dia.

Até aí, tudo bem, mas o problema começou quando empresas mal intencionadas começaram a utilizar estes mesmos nomes, para um procedimento já velho conhecido do mercado: as escovas progressivas. Infelizmente são muitas as clientes que dizem que “a amiga fez um botox que deixou o cabelo liso”, ou que “uma colega do trabalho fez uma selagem que alisou completamente os fios”.

Vamos direto ao ponto: não existem milagres. Não é possível mudar a forma dos fios sem o uso de químicas que alterem de alguma forma a estrutura dos cabelos. Os tratamentos, por melhores que sejam, tem o propósito de melhorar os fios, deixando-os mais macios, com mais brilho, com menos volume, com menos frizz, mas não conseguem deixar os fios lisos.

Se o seu botox capilar deixou os fios mais lisos, certamente não foi realizado apenas um tratamento, mas sim uma química que conseguiu alterar, mesmo que por algum tempo, a estrutura dos fios de cabelo.

Esta é uma dica que vale tanto para clientes quanto para profissionais. Se o formato dos fios está sendo alterado, não é um tratamento, e sim uma química que está sendo aplicada sobre os fios.

#TocaHair #NaoAoFormol

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – TERAPIA CAPILAR – DIA DA NOIVA – BELEZA E BEM ESTAR :.