Enfim, Visagismo!?!?

Por Leo Costa

Recentemente estive em um evento organizado pelo Sebrae, onde o foco principal era uma análise da nova lei que regulamenta a relação de parceria entre salões e profissionais de beleza.

Diante de tudo o que foi discutido, estranhamente o que mais me chamou a atenção foi uma discussão que se iniciou a respeito do visagismo, o que me motivou a escrever a respeito.

Algumas pessoas se manifestaram dizendo que o visagismo nada mais era do que a escolha do corte correto para cada pessoa.

Outros reclamaram que os novos profissionais, formados em visagismo, não estão preparados para realizarem o que propõem aos seus clientes.

Alguns dos presentes afirmaram ainda que a visagismo atrapalha, por ser incompleto comparado à consultoria de imagem.

Infelizmente esse tipo de discussão não é de hoje. Temos no mercado um grande número de “profissionais visagistas” que se auto intitulam depois de assistir a um workshop de três horas sobre o tema.

Há ainda as pessoas que não conseguem compreender a utilização do visagismo, e obviamente acham mais simples criticar do que se especializar.

Felizmente conheço um grande número de profissionais que atuam com a prática do visagismo da forma correta, deixando claro para os clientes o diferencial deste recurso quando bem utilizado.

Para terminar, nunca é demais lembrar que o visagismo não compete com a consultoria de imagem, e também não se limita a encontrar o melhor corte. O objetivo principal é a personalização do visual de cada um, buscando atender às necessidades que cada indivíduo possui, pessoal ou profissionalmente, valorizando sempre o que cada um tem de melhor em seu visual, de acordo com os seus objetivos.

Acredite no seu potencial.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA – DEPILAÇÃO – ESTÉTICA :.

Que corte fica melhor em mim?

Por Leo Costa

Muita gente vai ao salão com fotos de famosos ou quase famosos com um visual que achou interessante. Hoje em dia poucas pessoas levam a foto impressa ou mostram em uma revista. Normalmente mostram uma foto do Facebook, Instagram ou Pinterest. Até aí, nenhuma novidade, tudo normal.

O problema por trás de tudo isso é que na grande maioria dos casos, as clientes trazem fotos pensando apenas nos cabelos da modelo escolhida. Algumas pessoas ainda levam em consideração alguns pontos, como “não sei se fica bom em mim, já que meu rosto é mais fino” ou “não sei se é o melhor, já que sou muito mais baixa que ela”. O problema é que de modo geral estão escolhendo uma mudança em seu visual, com base no visual de outra pessoa.

O ideal quando for escolher tanto um novo corte de cabelos, como qualquer mudança no seu visual, é que tome tal decisão com base em suas características físicas e psicológicas, além de suas necessidades pessoais e profissionais.

Por exemplo, um visual composto por linhas predominantemente verticais, cores frias e sóbrias, e pouco contraste, certamente vai transmitir muito mais seriedade do que um visual composto por cores quentes e linhas curvas.

Em alguns casos, até o lado escolhido para colocar a franja pode fazer com que a pessoa se sinta menos a vontade, já que expõe seu olho dominante ao interlocutor, fazendo com que se sinta “invadida”.

Tomar essas decisões vai muito além de escolher o melhor corte para cada formato de rosto. É necessária uma visão global, dos pés à cabeça, a fim de que se obtenha o maior número possível de informações úteis para a definição do visual mais adequado.

O profissional visagista é uma pessoa extremamente capacitada e preparada para compor o visual mais adequado à cada pessoa e à cada necessidade ou situação. Procure um profissional de sua confiança ou que lhe passe segurança. Isso é bastante importante para que o resultado seja positivo.

“Botox capilar” e “selagem dos fios”

Por Léo Costa

Cada vez mais sou questionado a respeito dos serviços de “selagem dos fios” e “botox capilar”. Pessoas de diferentes classes sociais e faixas etárias tem a mesma dúvida: “Afinal, o que é o botox capilar? E a selagem?”

Quando surgiram no mercado, esses serviços foram propostos por empresas sérias, que buscavam o verdadeiro tratamento dos fios, a fim de trazer satisfação a seus clientes, através de fios mais saudáveis e nutridos, com considerável redução do frizz, volume sob controle, toque agradável nos fios, entre outros benefícios trazidos à cliente com o objetivo de facilitar o seu dia-a-dia.

Até aí, tudo bem, mas o problema começou quando empresas mal intencionadas começaram a utilizar estes mesmos nomes, para um procedimento já velho conhecido do mercado: as escovas progressivas. Infelizmente são muitas as clientes que dizem que “a amiga fez um botox que deixou o cabelo liso”, ou que “uma colega do trabalho fez uma selagem que alisou completamente os fios”.

Vamos direto ao ponto: não existem milagres. Não é possível mudar a forma dos fios sem o uso de químicas que alterem de alguma forma a estrutura dos cabelos. Os tratamentos, por melhores que sejam, tem o propósito de melhorar os fios, deixando-os mais macios, com mais brilho, com menos volume, com menos frizz, mas não conseguem deixar os fios lisos.

Se o seu botox capilar deixou os fios mais lisos, certamente não foi realizado apenas um tratamento, mas sim uma química que conseguiu alterar, mesmo que por algum tempo, a estrutura dos fios de cabelo.

Esta é uma dica que vale tanto para clientes quanto para profissionais. Se o formato dos fios está sendo alterado, não é um tratamento, e sim uma química que está sendo aplicada sobre os fios.

#TocaHair #NaoAoFormol

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – TERAPIA CAPILAR – DIA DA NOIVA – BELEZA E BEM ESTAR :.

A importância da Terapia Capilar

Por Fabiana Padovez

A queda de cabelos é um problema que pode atingir homens, mulheres e até crianças. Apesar de causar um grande desconforto e muitas vezes trazer prejuízos para a autoestima e autoimagem, muitos não buscam tratamento por acreditar que não exista cura ou que este problema é normal.

Contudo, vale ressaltar que a alopecia, nome correto para a calvície, é uma doença, e por mais que não traga comprometimentos para a saúde geral do cliente, pode e deve ser tratada, pois estilizar os fios faz parte da vaidade e da demonstração de personalidade de cada um.

Entre as opções de tratamento, destaca-se a terapia capilar, que é um conjunto de ações terapêuticas que envolvem equipamentos de eletroterapia, laser, óleos essenciais e argilas que são aplicados no couro cabeludo semanalmente, em sessões que duram de 30 minutos a 1 hora.

O objetivo é reduzir a queda, estimular o crescimento de novos fios e engrossar os já existentes e os primeiros resultados geralmente são percebidos depois de 3 meses.

Se você percebe que seus cabelos estão caindo excessivamente ou que estão ficando ralos, agende uma avaliação e venha conhecer nossas propostas de tratamentos.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – TERAPIA CAPILAR – DIA DA NOIVA – BELEZA E BEM ESTAR :.

Terapia Capilar no TOCA Hair

Com a correria que vivemos nos dias atuais, é cada vez mais comum encontrarmos clientes com problemas no couro cabeludo, causados pelos mais variados motivos. Muitas vezes, os tratamentos de mercado não são suficientes para resolver os problemas, sendo então necessária a intervenção de um profissional sério e capacitado.

Diante desta necessidade, a partir da próxima quarta-feira (16) teremos em nosso espaço o serviço de Terapia Capilar.

A terapeuta especialista Fabiana Padovez estará no Toca Hair todas as quartas-feiras para diagnosticar e solucionar os mais variados problemas de couro cabeludo, como quedas, descamações, irritações, ressecamentos, etc.

O Toca Hair sempre ofereceu tratamentos para os fios, tanto naturais como com químicas, e agora traz aos seus clientes os tratamentos mais modernos e eficazes para o couro cabeludo. Assim os clientes desfrutam de um atendimento completo e especializado.

A Fabiana é uma esteticista, terapeuta capilar e docente dos cursos de Estética e Visagismo da Universidade Anhembi Morumbi, com grande experiência na área e altamente capacitada o oferecer os melhores diagnósticos e tratamentos aos nossos clientes.

Venha conhecê-la.

Agende seu horário.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – TERAPIA CAPILAR – DIA DA NOIVA – BELEZA E BEM ESTAR :.

 

Calor e baixa umidade do ar: como preservar os cabelos?

por Léo Costa

Assim como o restante do nosso corpo, os cabelos são compostos principalmente por água. Nas últimas semanas vivemos uma situação de umidade do ar extremamente baixa, o que é comum no inverno, mas que fica ainda mais grave quando o que deveria ser inverno se torna um verão extremamente seco e fora de  época.

d-hairImagem: http://www.bighairymess.com/

A realidade climática que estamos vivendo neste inverno, expõe as pessoas ao sol forte e muito calor. Quando pensamos nos danos aos cabelos, o que acontece não é muito diferente do que acontece no restante do nosso corpo. A desidratação é extrema e rápida. Os fios sentem muito mais os danos nessas condições do que em outras.

O ideal para o nosso corpo é a hidratação constante, sendo que devemos tomar água mesmo antes de sentirmos sede. Para os cabelos funciona da mesma forma. É preciso criar uma rotina de hidratação e tratamentos para os fios, assim é possível manter os fios saudáveis, ao invés de procurar um profissional apenas quando os fios estão desidratados, elétricos, opacos, quebradiços, etc.

A frequência ideal para os tratamentos, varia de acordo com cada tipo e situação de cabelo, e principalmente com o tipo de produto utilizado para o tratamento. Os cabelos naturais sofrem muito menos danos do que os cabelos com químicas, de modo que permitem intervalos maiores entre os tratamentos. Os cabelos com muitos processos químicos, precisam de tratamento quase que diário.

Quando se utiliza produtos profissionais, de alta concentração, o resultado é mais duradouro do que quando se utiliza produtos mais simples e de baixa concentração, sendo que os mais simples podem não aguentar sequer até a próxima vez que lavar os fios.

Resumindo, é essencial o uso de um bom produto de manutenção capilar, seja no salão ou em casa, a fim de manter os fios saudáveis. Outro ponto importante é evitar, ou ao menos reduzir, o uso da “prancha”.

Procure um profissional de sua confiança para fazer um diagnóstico correto e indicar  os melhores produtos ou tratamentos para seus cabelos. Em geral, um bom tratamento feito no salão apresenta excelentes resultados, principalmente se for feita a manutenção adequada em casa.

Por que o visagismo funciona?

Por Léo Costa

O conceito do visagismo se baseia primeiramente na forma como nós interpretamos, inconscientemente, as linhas, formas, cores e texturas em nosso dia-a-dia.

Tudo o que aprendemos em nossa vida, certamente vai interferir em nossas ações e reações, mas há em nosso íntimo, uma reação inicial, inconsciente e involuntária, que acontece antes mesmo que seja possível entender o que está acontecendo.

A figura a seguir mostra como isso funciona: ao ver uma cobra, nosso cérebro envia imediatamente o sinal ao nosso organismo, acelerando os batimentos cardíacos e preparando nosso corpo para correr, com uma injeção de adrenalina.

Reação inconsciente Tudo isso acontece antes mesmo que seja possível identificar se a cobra é ou não venenosa, ou ainda se aquilo é realmente uma cobra, ou apenas um galho seco no caminho.

Quando nos baseamos no visagismo para mudar o visual de alguém, o que fazemos é trabalhar a composição das linhas, formas, cores e texturas neste visual. Através dessa composição, é possível mudar a forma como as outras pessoas a veem. Por exemplo, é possível deixar uma pessoa que sempre foi vista como muito sensível, romântica e meiga, com um visual mais forte, marcante e sedutor, apenas trabalhando com a composição adequada do seu visual.

Da mesma forma, é possível fazer com que uma pessoa que sempre foi vista como muito “carrancuda” e fechada, passe a transmitir uma imagem mais acessível e flexível.

Muitas vezes, pequenas mudanças já surtem grandes resultados, o que vai contra a ideia de que um cliente apenas deve procurar um visagista quando quer uma mudança radical em seu visual. Em vários casos, as mudanças sutis trazem mais benefícios ao dia-a-dia do que as mudanças radicais.

Um bom profissional visagista deve ser capaz de identificar as necessidades de cada cliente, sem se apegar aos padrões e modismos que tanto cercam o nosso dia-a-dia.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA E DO NOIVO – BELEZA E BEM ESTAR :.

O visagismo também serve para os homens!!!

Por Léo Costa

No último dia 13 estive em Belo Horizonte para apresentar um workshop na Professional Fair 2015, ao lado da amiga Priscila Delfino. O tema era “visagismo em cortes masculinos e barba”.
A sala estava cheia, e felizmente a plateia estava muito interessada no assunto.
É muito comum ouvir das pessoas que o visagismo é para mulheres, ou que é muito difícil aplicar o conceito do visagismo nos serviços para homens.
Neste workshop conseguimos mostrar à platéia que não é bem assim. Com desenhos de barba e de corte específicos, conseguimos mostrar ao público que é sim possível criar visuais com propostas bastante diferentes apenas com um corte, um penteado ou um desenho de barba diferente.
O ponto chave do visagismo está na forma como as pessoas reagem inconscientemente à figuras e formas presentes em nosso dia a dia. Quando levamos esta idéia para os cortes masculinos e os desenhos de barba, percebemos na prática que é possível mudar muito o visual de um homem, trabalhando ás vezes em pequenos detalhes. Assim é possível criar um visual mais sério, mais descontraído, mais discreto, mais ousado, mais forte, etc., tudo de acordo com a necessidade de cada cliente.
Com o visagismo é possível criar um visual totalmente personalizado ao cliente, deixando de lado os modismos e os rótulos.
Obrigado a todos que estiveram presentes no workshop e sucesso em suas carreiras.

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA E DO NOIVO – BELEZA E BEM ESTAR :.

AFINAL, PARA QUE SERVE O VISAGISMO?

Por Léo Costa

Nessa manhã o programa Mais Você da Ana Maria Braga apresentou uma matéria falando um pouco sobre o visagismo (acesse aqui para assistir), os formatos de rosto e a sua relação com a personalidade.

A matéria foi bem legal, mas é preciso destacar alguns pontos. O principal deles é que o visagismo é um recurso utilizado para se identificar o que os traços do rosto e as feições transmitem, mas não podemos afirmar taxativamente que a pessoa é ou deixa de ser.

O visagismo vem para nos ajudar a PERSONALIZAR a imagem de cada indivíduo, e não para criar ou seguir padrões, o que sem dúvida seria muito mais fácil de se fazer.

Conhecer o que cada linha no visual de uma pessoa expressa, permite ao profissional visagista compor o visual dessa pessoa de modo a passar exatamente a ideia que ela deseja.

Nossos parceiros do Espaço Beleza Personalizada falam bastante a respeito deste assunto e deixam claro que visagismo é muito mais do que só conhecer cada um dos formatos de rosto.

Principais formatos de rosto

Nem sempre a busca pela harmonia no visual é o que a pessoa precisa. De modo geral, uma imagem harmônica é muito mais agradável e equilibrada, mas cada pessoa deve ser analisada de forma única e personalizada a fim de se identificar os seus desejos e necessidades, para somente depois o profissional fazer uma proposta que pode ou não ir na direção da harmonia no seu visual.

Gosto muito de citar um exemplo de duas irmãs gêmeas, fisicamente idênticas, mas que seguem por caminhos um pouco diferentes. Uma é médica, caseira, romântica e comprometida. Sua irmã é publicitária, baladeira, independente e solteira. Apesar de serem idênticas fisicamente, suas necessidades pessoais e profissionais são bem distintas. Assim, o profissional visagista provavelmente realizará para elas duas propostas bem diferentes de composição do visual, que vão muito além da análise dos traços do rosto.

Segue o link da matéria para quem não viu: https://globoplay.globo.com/v/2912005/

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA E DO NOIVO – BELEZA E BEM ESTAR :.

PROPORÇÃO ÁUREA

Por Léo Costa

Há algum tempo coloquei aqui um post sobre a simetria (http://tocahair.com.br/uma-nova-visao-sobre-a-simetria/). Como já disse nesse post, nem sempre o que é totalmente simétrico é belo. Na Grécia antiga já se utilizavam os conceitos da regra de ouro, também chamada de proporção áurea. Nas artes ela também é bastante explorada. Nas diversas obras de Da Vinci é possível encontrar a proporção áurea. É possível encontrar a proporção áurea em elementos da natureza, animais, vegetais, seres humanos, nas artes, na literatura, no cinema, etc. Esse é sem dúvida um dos temas que devem ser considerados pelo visagista quando compõe o visual de seus clientes. Um visual com proporção áurea, que respeite a “regra de ouro”, certamente será muito mais agradável ao olhar das outras pessoas do que se for composto de forma aleatória. Para quem quiser saber mais sobre a proporção áurea, há um vídeo no Youtube que explica de forma bastante simples o seu funcionamento (http://www.youtube.com/watch?v=SUSyRUkFKHY&feature=player_embedded).

.: TOCA HAIR – VISAGISMO – DIA DA NOIVA E DO NOIVO – BELEZA E BEM ESTAR :.